quarta-feira, 15 de agosto de 2018

FN MAG. A metralhadora em defesa do mundo ocidental.

FICHA TÉCNICA
Tipo: Metralhadora de uso geral
Sistema de operação: Operação a gás com ferrolho aberto.
Calibre: 7,62 X 51 mm.
Carregador: Cinta M13 de elos desintegrável ou cinta não desintegrável DM-1 para 50 munições.
Peso: 11,8 Kg (sem bipé).
Comprimento Total: 1,26 m.
Comprimento do Cano: 24,8 polegadas (630 mm).
Miras: Massa fixa: Alça e massa regulável com posição que varia de 200 a 800 metros.
Velocidade na Boca do Cano: 840 m/seg.
Cadência de tiro: Regulável  entre 650 a 1000 tiros/ min.


DESCRIÇÃO
Por Carlos Junior
Ao fim da  II Guerra Mundial o conceito de metralhadora de uso geral que podia ser operada com ajuda de um simples e leve bipé se mostrou muito interessante. Exemplo disso foi o incontestável sucesso que a metralhadora alemão MG-42 obteve com sua alta letalidade e eficácia. Muitas nações passaram a solicitar a seus projetistas que buscassem desenvolver armamentos equivalentes para suas tropas e a famosa empresa FN Herstal, da Bélgica conseguiu exceder o objetivo solicitado e desenvolveu a FN MAG (Mitrailleuse d"Appui Géneral) ou Metralhadora de Uso Geral, apresentada no começo dos anos 50 do século passado e adotado, primeiramente pelo exército belga em 1958. Após isso, mais de 70 países adotaram esta arma, incluindo a super potência militar, os Estados Unidos. O Brasil usa a MAG a muitas décadas e não há previsão de substituição uma vez que ela é, ainda, uma arma perfeitamente adequada a suporte de fogo a nível de infantaria.
Acima: A metralhadora de uso geral pu simplesmente MAG, projetada pela FN Herstal é mais uma das varias armas deste fabricante que se tornaram clássicas e que são usadas por mais da metade dos países do mundo em uma carreira de serviço que já supera 50 anos de uso.
Projetada para disparar o potente calibre 7,62X51 mm OTAN, a MAG opera por aproveitamento de gases do disparo que são  captados por um furo na alma do cano pouco depois de sua porção media que imprime pressão dentro do cilindro  abaixo do cano onde opera um pistão que empurra para trás o conjunto do ferrolho que por sua vez ejeta o cartucho deflagrado e arma o percutor para que se possa disparar a próxima munição. A alma do cano da MAG é tratado com cromo para garantir maior durabilidade. A cadência de tiro pode ser regulada através de um botão que trabalha como um regulador de gá na ponta do cilindro do pistão. Assim a MAG pode disparar de 650 a 1000 tiros por minuto dependendo da regulagem. O cano é facilmente trocado com um movimento da alça de transporte para a posição para cima o que em situação de batalha é bastante desejável dada as dificuldade do stress que os soldados estarão nessa condição.
Acima: O exército brasileiro é um dos muitos operadores desta excelente metralhadora. A FN MAG possui alta confiabilidade mecânica o que reforçou a grande aceitação do modelo no mundo.
A MAG é uma metralhadora bastante robusta. Seu acabamento espartano ajuda nessa robustez, onde não se tem nada que seja "perfumaria". É uma arma de guerra, feita para guerra. Porém ela peca no seu elevado peso. São quase 12 kg para um soldado, já sobrecarregado com os equipamentos padrão, carregar. A ergonomia também não foi algo que foi muito planejada. Porém a MAG vem com um bipé em aço montado a frente do cilindro de captação de gás. A janela de ejeção da MAG fica abaixo da arma, de forma que no disparo as capsulas deflagradas são ejetadas para baixo, enquanto os grampos da cinta são descartados pelo lado direito da arma.
Acima: Com um desenho simples, a MAG surpreende os mais acostumados com os modernos desenhos das armas de combate dos dias atuais. Aqui temos a versão usada pelas forças armadas da Inglaterra, conhecida como L7A2.
Como a maioria das armas clássicas, a metralhadora FN MAG tem muitas versões onde gouve adaptação a um uso especifico ou a uma necessidade especifica da força armada que a adotou. A Suécia, por exemplo, usou por bastante tempo a MAG modificada para calçar o calibre 6,5X55 mm que foi padrão no exército sueco no passado. essa versão é conhecida como Kulsputra 58 ou simplesmente KSP-58. Atualmente a metralhadora KSP-58 opera no tradicional e poderoso calibre 7,62X51 mm. O exército dos Estados Unidos operam a M-240, uma versão com aprimoramentos ergonômicos e com instalação de trilhos picatinny para instalação de miras ópticas. Mesmo estas versões possuem sub versões com cano mais curto e coronha rebatível como a M-240L. Os ingleses usam a metralhadora L-7A2, que é uma versão da MAG com pequenas modificações, mas ainda com um desenho praticamente idêntico a MAG original.

Acima: O Exército dos Estados Unidos, US Army, usa a MAG sob designação local de M-240B. Esta arma substituiu as M-60 que eram bem comuns nessa força durante a guerra do Vietnã.

Acima: A M-240D é a versão usada em suportes em veículos como helicópteros e carros de combate. 

Acima: O modelo M-240L, também usado pelo US Army, é uma versão mais leve e compacta, pensada para operar com maior conforto em ambientes urbanos.
A FN MAG, mesmo sendo uma arma projetada a mais de 50 anos, continuará a ser largamente usada nas forças armadas que a adotaram graças a sua excelente confiabilidade e robustez. No universo das armas de fogo é comum, quando um determinado projeto é excepcionalmente bom, ele ter uma vida longa, vide a pistola M-1911, fabricada e usada por forças militares, policiais e por civis nos países onde o cidadão não é tratado como um idiota (nosso caso), onde pode se adquirir o modelo para defesa pessoal.
Acima: Um soldado do exército dos Estados Unidos com sua M-240. Cenas como essa se tornaram bem comuns nos vilarejos do Afeganistão e nas cidades devastadas no Iraque.



ABAIXO TEMOS UM VÍDEO COM A APRESENTAÇÃO DA FN MAG.


Você gosta de tecnologia militar? Fique por dentro das atuais e futuras armas que estão em combate no campo de batalha. Assine nossa newsletter na barra direita do site e nos sigam nas redes sociais também! InstagranFacebook, MeWe e Twiter. Compartilhe nas suas redes sociais e ajude o WARFARE crescer.

Nenhum comentário:

Postar um comentário