terça-feira, 21 de julho de 2020

China lança lições de patriotismo para jovens rebeldes de Hong Kong


Por Filipe do A. Monteiro, 21 de julho de 2020.

Conforme noticiado pela jornalista Did Tang, do The Times britânico, uma base de "educação em segurança nacional" para garantir que os estudantes de Hong Kong sejam suficientemente patrióticos foi aberta na cidade vizinha de Shenzhen, disse Pequim ontem, apenas três semanas após a imposição de uma lei de segurança nacional draconiana no território.

O centro está encarregado de ajudar os alunos de Hong Kong e Macau a "melhorar sua consciência constitucional e nacional por meio da educação", de acordo com a agência de notícias oficial Xinhua.



Du Ling, um alto funcionário do partido em Shenzhen, disse que a base “plantaria sementes de identidade nacional e espírito patriótico no coração de mais jovens de Hong Kong e Macau”.

Pequim criticou a educação de Hong Kong por falta de patriotismo e culpa a educação liberal no território pelo alto número de manifestantes estudantis no passado.


 Bibliografia recomendada:





Leitura recomendada:

O fim da visão de longo prazo da China6 de janeiro de 2020.

Quer entender a história chinesa? Estes 5 eventos são a chave6 de janeiro de 2020.

Os EUA precisam de uma estratégia melhor para competir com a China - caso contrário o conflito militar será inevitável5 de fevereiro de 2020.

EUA rejeitam quase todas as reivindicações chinesas no Mar da China Meridional13 de julho de 2020.

O coronavírus pode ser o fim da China como centro global de fabricação, 10 de março de 2020.

Sim, a China estaria disposta a travar outra Guerra da Coréia caso necessário 21 de junho de 2020.

A guerra no Estreito de Taiwan não é impensável2 de junho de 2020.

O Dragão nos Trópicos: A expansão militar da China no hemisfério ocidental3 de agosto de 2019.

Chineses buscam assistência brasileira com treinamento na selva9 de julho de 2020.

Nenhum comentário:

Postar um comentário